sábado, 12 de janeiro de 2019

Ceará é o primeiro estado do Brasil a proibir as operadoras de cortar internet quando atingir o limite do pacote contratado

By
O Ceará é o primeiro estado do Brasil a proibir as operadoras Vivo, Claro, Tim e Vivo de cortarem a internet de clientes que estourarem o limite do pacote contratado.

O decreto foi assinado pelo governador do Ceará, Camilo Santana (PT). De acordo com a Lei Estadual de número 16.734, o consumidor só pode ter a internet cortada caso de não pagamento da fatura do plano pós-pago ou saldo insuficiente no pré-pago que não permita a renovação do plano, que do pré-pago configura inadimplência. 

O artigo 2º da norma permite que a empresa só reduza a velocidade da internet quando a franquia de dados chegar ao fim.

A lei está valendo e a empresa que descumprir vai pagar multa de R$ 10 mil reais e, em caso de reincidência, o valor sofrerá acréscimo de 50%. O dinheiro será revertido para o Fundo Estadual de Proteção e Defesa do Consumidor.
Foto reprodução: Olhar Digital
A Lei 16.734 do Ceará, se baseia no Marco Civil da Internet, no artigo 7º, inciso IV, que prevê a "não suspensão da conexão à internet, salvo por débito diretamente decorrente de sua utilização".

O SindiTelebrasil (Sindicato Nacional das Empresas de Telefonia e de Serviço Móvel Celular e Pessoal), disse que de acordo com a Constituição Federal, fica a cargo da União e não dos Estados legislar sobre telecomunicações.

Fonte: https://www.minhaoperadora.com.br/2019/01/operadoras-nao-podem-mais-bloquear-internet-no-ceara.html

Ganhe R$ 8 de desconto na recarga do seu celular com o Recarga Pay! Ao acessar o site e fazer sua recarga, utilize o código wc5351342 para garantir o desconto!




Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Antes de postar leia as regras:

- Não faça comentários repetidos;
- Não ofenda ninguém do Blog;
- Não responsabilizamos por links externos dos leitores;
- Se não tem conta no Google comente com "Nome/URL"
- Para deixar sua URL comente com OpenID;

OBS: Comentários abusivos, xingamentos, insultos ou não serão tolerados e os comentários serão excluidos.