sexta-feira, 12 de março de 2021

WhatsApp está testando recurso que acelera reprodução de áudio

By
yyy

O Whatsapp está testando uma nova funcionalidade para acelerar reprodução de áudios. Essa função já existe no Telegram e é bem interessante para quem recebe áudios com mais de 1 minuto.


O alerta foi divulgado pelo site WABetaInfo, conhecimento por antecipar novidades sobre o aplicativo do Facebook.


De acordo com o site, o serviço já está sendo testado na versão alpha do Android e iOS, o que sugere que em breve a novidade estará disponível para usuários beta do mensageiro.


Nos últimos dias, o Whatsapp têm vários rumores de novos recursos.


A lista inclui mensagens autodestrutivas, cópia das mensagem com senha e integração direta do WhatsApp com o Reels do Instagram.


Ao mesmo tempo, o mensageiro tem lançado novidades nas últimas semanas, como é o caso da função de desabilitar a visualização de áudios, realizar chamadas de vídeo e áudio pelo computador e importação de figurinhas de outros aplicativos.



Os recursos são vistos como uma forma de gerar mais valor ao aplicativo as vésperas da entrada em vigor da nova e polêmica política de privacidade, em 15/05/2021.


Em janeiro desse ano, o Whatsapp lançou uma permissão de consentimento no aplicativo para que os dados dos usuários fossem compartilhados com o Facebook para lançamento de futuros produtos.


O Facebook disse que quem não aceitar os termos de privacidade, não poderá usar mais o mensageiro.


Fonte: https://www.minhaoperadora.com.br/2021/03/whatsapp-esta-testando-recurso-que-acelera-reproducao-de-audio.html

Entre para nosso canal no Telegram, e receba nossas notícias em primeira mão.





Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Antes de postar leia as regras:

- Não faça comentários repetidos;
- Não ofenda ninguém do Blog;
- Não responsabilizamos por links externos dos leitores;
- Se não tem conta no Google comente com "Nome/URL"
- Para deixar sua URL comente com OpenID;

OBS: Comentários abusivos, xingamentos, insultos ou não serão tolerados e os comentários serão excluidos.