domingo, 23 de setembro de 2018

Como saber se um fone de ouvido é bom?

By
É possível encontrar um ótimo equipamento para ouvir suas músicas! Confira algumas dicas

O fone de ouvido é praticamente um companheiro inseparável da maioria dos jovens e adultos atualmente. Seja no trabalho, no trânsito ou por pura de diversão, o fone de ouvido é um acessório fundamental e parte integrante do nosso dia a dia.

O equipamento não é novo e é popular desde os anos 80, com o surgimento dos toca-fitas. Mas ele acompanhou a evolução tecnológica nessas últimas três décadas e ganhou inúmeros modelos, versões e designs diferentes.

Essa enxurrada de fones de ouvido, inclusive alguns piratas, plantou um monte de dúvidas na cabeça dos consumidores. Muitos pensam que são todos iguais e acabam não pesquisando e comprando as melhores opções.

Até porque as pessoas normalmente relacionam a péssima qualidade do áudio ao aparelho que está executando a mídia. Na verdade, em muitos casos o problema está justamente no fone que não consegue reproduzir o som com a mesma qualidade.

Portanto, os fones de ouvido não são iguais. Antes de sair para comprar um novo, informe-se e pesquise bastante. É possível encontrar modelos bons e baratos que atendam suas necessidades.

Qual tipo de fone você quer?


É a primeira pergunta que você deve fazer antes de adquirir um fone de ouvido. Cada um dos modelos que vai encontrar nas lojas ou na Internet possui um objetivo e um formato, sendo recomendados para diferentes usos.

Os mais comuns são conhecidos como earbuds. São aqueles fones pequenos, mais baratos, que normalmente acompanham os smartphones. Eles encaixam no ouvido, mas mesmo assim é pouco anatômico e não protegem a saída do som.

Ainda entre os menores, recentemente surgiram os intra-auriculares, também conhecidos como in-ear. Eles se destacam porque possuem uma camada de silicone na ponta, eliminando os ruídos externos, mas também incomodam o usuário após um uso prolongado.

Por fim, há os supra-auriculares ou headsets, que são os modelos que cobrem toda a orelha. Considerados mais confortáveis, conseguem reproduzir o som com maior qualidade e eliminam totalmente o ruído externo. Contudo, tendem a ser mais caros.

Conheça um pouco mais da linguagem técnica


A embalagem também traz dicas interessantes na hora de decidir qual o melhor fone de ouvido para você. É essencial conferir as especificações técnicas e entender o que essas informações representam.

Confira alguns termos importantes:

Impedância


O fone possui uma corrente elétrica e esse termo refere-se à capacidade de proteção dos sistemas internos e também como inibidor de interferência da energia no áudio. Ele é medido em ohms e quanto maior a impedância, mais chances têm de reproduzir uma música limpa.

Sensibilidade


É o volume que o equipamento pode alcançar e é medido em dB SPL (decibéis de nível de pressão sonora). O número descrito na embalagem indica que, para cada miliwatt de potência, há um número específico de decibéis que o fone reproduz. Mas tome cuidado: som acima de 85 decibéis já causa danos à audição.

Resposta de frequência


Indica os limites (mínimo e máximo) que o som consegue ser emitido pelo equipamento. O ouvido humano é capaz de detectar frequências de 20Hz (hertz) até 20 mil Hz. Logo, ele deve ser capaz de reproduzir dentro dessa faixa.

Conector


Corresponde ao tipo de entrada do fone de ouvido no aparelho que irá tocar o áudio. Ele não interfere na qualidade do áudio, mas ajuda a identificar se é compatível com o hardware em que será utilizado. Os modelos mais comuns são 3,5 mm P2 e 3,5 mm P3.

Diafragma 


É o alto-falante do fone de ouvido e possui duas variações. O diafragma dinâmico é mais barato, possui uma amplitude boa e apresenta um som mais linear. Já o eletroestático é um pouco mais caro, mas reproduz tanto frequências muito agudas quanto graves, apresenta um áudio bem mais limpo e praticamente não possui distorção.

Experimente testar antes de comprar


Não é uma prática comum, mas algumas lojas permitem que os consumidores testem os fones antes de comprá-lo. Isso permite que você identifique se o modelo é anatômico, se consegue eliminar o ruído externo e se reproduz muito bem um áudio.

Uma dica é testar com uma música que você sabe de cor para ver se apresenta alguma distorção. Ou então toque Bohemian Rhapsody, do Queen, pois essa faixa apresenta grande variedade de frequência tanto na voz quanto nos instrumentos e verifique se há algum problema.

Preço não é essencial, mas é importante


É possível encontrar modelos bons e baratos, sem dúvida, mas o valor do equipamento normalmente reflete a qualidade dele. É preciso pesquisar bastante e conferir se o preço está de acordo com o que ele promete entregar.

Se encontrar fones de ouvidos muito baratos, na faixa de R$ 20, provavelmente será incapaz de reproduzir um som de qualidade por muito tempo – mesmo os earbuds, modelos mais em conta, não possuem esse valor.

Entretanto, o contrário também é válido. Se encontrar alguma marca muito mais cara do que a concorrência, desconfie! Em muitos casos, o fabricante ou o lojista cobram um valor mais alto só por conta da estética e não pela capacidade de reprodução. 

Fone de ouvido atrai a atenção de pessoas! Tome cuidado!


Depois de escolher o melhor fone de ouvido, é preciso ter cuidado na hora de usá-lo. Infelizmente, o equipamento é um grande chamariz para os bandidos ao mostrar que a pessoa possui um smartphone ou tocador de MP3 em seu bolso.

Modelos brancos, normalmente usados em aparelhos mais caros, atraem mais a atenção, enquanto que alguns fones também são objetos valiosos. Assim, previna-se e fique alerta: não utilize-os em locais ermos e com pouca movimentação.

Uma alternativa para andar tranquilamente pelas ruas e ouvir suas músicas é contratar um seguro para iPhone ou qualquer outro equipamento eletrônico que possua. Assim, se o pior acontecer, você estará coberto e protegido.

Fonte - Bem Mais Seguro

Ganhe R$ 8 de desconto na recarga do seu celular com o Recarga Pay! Ao acessar o site e fazer sua recarga, utilize o código wc5351342 para garantir o desconto!




Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Antes de postar leia as regras:

- Não faça comentários repetidos;
- Não ofenda ninguém do Blog;
- Não responsabilizamos por links externos dos leitores;
- Se não tem conta no Google comente com "Nome/URL"
- Para deixar sua URL comente com OpenID;

OBS: Comentários abusivos, xingamentos, insultos ou não serão tolerados e os comentários serão excluidos.