quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

CES 2012: As Três Maiores Tendências

By

Antes que qualquer pessoa visse os produtos mais bacanas que irão dar o ar da graça no showroom da feira internacional CES, jornalistas se prepararam com o relatório da indústria feito pelo economista chefe da CEA, Shawn DuBravac. Neste relatório anual, DuBravac destaca o crescimento da indústria nos últimos anos – neste caso, voltando até a primeira CES em 1967 – e projeta as tendências do show de 2012.

Não há muitas industrias que podem afirmar que seus produtos estão presentes em 90% dos lares, notou DuBravac. Mas a de produtos eletrônicos pode. E a porcentagem irá se manter forte a medida que o crescimento de smartphones e tablet pcs tende a aumentar.
DuBravac cita a si mesmo ao dizer que mais de 100 tablets foram apresentados ano passado. Ele mantém o que disse e acrescenta que pelo menos mais 50 serão apresentados no show deste ano.

Adicionalmente, ele acredita que haverão em torno de 30 a 50 apresentações de ultrabooks na CES 2012. Ainda mais, DuBravac crê que este será o mais importante show “sem-fio” da história, com muitos lançamentos de smartphones.

Enquanto na última década pudemos ver a transição digital, DuBravac diz que nós estamos entrando em uma segunda fase, aonde os consumidores irão influenciar estes aparelhos.
No showroom, procure pela proliferação da tecnologia de sensores; aumento de produtos inteligentes; áudio sem fio (aparelhos Airplay); e tecnologia de veículos elétricos.

3 Maiores Tendências

Resumindo, DuBravac anunciou as 3 maiores tendências que ele acredita que irão prevalecer no showroom.

Em primeiro é a “Mutação da Computação”. “Existe uma fricção puxando o poder da computação dos computadores e empurrando-as para vários aparelhos não informatizados.” As TVs Smart são um exemplo, uma vez que elas estão se comportando cada vez mais como computadores, executando aplicativos, navegando na internet, etc. DuBravac projetou que 50% dos televisores estarão conectados até 2014. Aparelhos celulares chamados “Superphones” também são um exemplo, continuando a atuar como mini computadores em nossos bolsos.

Ele também afirmou que será dada maior ênfase a outros elementos dos aparelhos, não só sua informatização. “A potência da experiência de computação irá determinar o que ganhará tração.”
Interconectividade também será uma direção forte, de acordo com DuBravac, especialmente com os serviços em “nuvens” e acesso remoto à informação.

A segunda tendência é “o ano da interface” – a experiência provida pela internet. “A casa do futuro não será igual a casa do passado, pois muita da nossa tecnologia será escondida. Nós iremos gerar um produto complexo mas simples, para uma experiência natural.”
Controle por movimento e voz irão aparecer em mais aparelhos, ele previu. “A TV smart será uma experiência com uma interface que fornecerá uma experiência mais rica para o usuário.”

E a tendência final é “Predomínio do Pessoal”. A chave está em construir núcleos de hardware para os produtos e expandi-los, customizando-os para o consumidor final e criar uma experiência única, como Ford fez com o primeiro veículo motorizado – criou um núcleo para que os outros expandissem.

Outras coisas que veremos na CES 2012 incluem navegação interna e integração de mídia social a produtos de categoria, assim como outras inovações que irão levar anos para se tornarem viáveis.

Fonte: Dealer

Ganhe R$ 8 de desconto na recarga do seu celular com o Recarga Pay! Ao acessar o site e fazer sua recarga, utilize o código wc5351342 para garantir o desconto!

Comente com o Facebook:

0 comentários:

Postar um comentário

Antes de postar leia as regras:

- Não faça comentários repetidos;
- Não ofenda ninguém do Blog;
- Não responsabilizamos por links externos dos leitores;
- Se não tem conta no Google comente com "Nome/URL"
- Para deixar sua URL comente com OpenID;

OBS: Comentários abusivos, xingamentos, insultos ou não serão tolerados e os comentários serão excluidos.